Fique por dentro de

Nossas Notícias

A importancia da consulta ginecológica de rotina

Consultas periódicas permitem o reconhecimento precoce de alterações antes que provoquem distúrbios graves. A ida ao ginecologista não poderá ser protelada se ocorrerem sinais ou sintomas envolvendo genitais. Se isto acontecer, será prudente suspender as relações sexuais e procurar ajuda profissional.

A vergonha e o medo de sentir dor durante exames, ainda hoje são motivos alegados por muitas mulheres para protelarem sua ida ao consultório ginecológico. Porém a saúde é um bem precioso que precisa ser preservado, devendo-se superar temores descabidos e pudores exagerados. Quanto à dor, basta que a mulher relaxe a musculatura para que o médico consiga investigar as condições de seus órgãos genitais sem maiores transtornos e possa indicar o tratamento conveniente.

Algumas vezes o tratamento exige aplicação de cremes, pomadas e óvulos que, para serem eficazes, devem ser introduzidos corretamente com o auxílio de aplicador plástico, cujo tamanho é adequado à colocação do medicamento junto ao colo do útero. Esse aplicador obviamente é de uso individual e deverá ser corretamente higienizado antes e após cada aplicação. Para isso, é suficiente a lavagem com água quente e sabão neutro.

As relações sexuais devem ser suspensas durante o tratamento, para evitar a transmissão da doença ao parceiro. Quase sempre é necessário que o tratamento inclua ambos, pois alguns micróbios se alojam nos genitais masculinos sem provocar sinais ou sintomas, constituindo motivos para novas infecções caso não se trate o casal.

Por isso, agende sua consulta na Clínica Por Ellas para uma avaliação. Estamos te esperando!